“Congruência entre polícias gera resultados”, afirma Caiado na posse do novo superintendente da PF em Goiás

Governador desejou boas-vindas a Josélio Azevedo e colocou forças de segurança do Estado à disposição para continuar integrada à Polícia Federal no combate à criminalidade e corrupção

O governador Ronaldo Caiado participou, na tarde da última segunda-feira, dia 10, da solenidade de posse do superintendente da Polícia Federal em Goiás, Josélio Azevedo de Sousa. Ao dar as boas-vindas ao novo chefe, o governador colocou as forças de segurança do Estado à disposição para trabalhar em conjunto com a Polícia Federal e, assim, garantir resultados que beneficiem a vida do cidadão. “Quero fazer de Goiás um local pacificado”, resumiu.

Posse do superintendente da Polícia Federal em Goiás, Josélio Azevedo de Sousa.

Caiado fez um breve balanço das ações já realizadas pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) durante os seus cinco primeiros meses de governo, como desmantelamento de quadrilhas e apreensão de drogas. O resultado, destacou, é que o cidadão goiano se sente mais seguro ao sair pelas ruas, o que não acontecia há tempos. “Nosso Estado infelizmente foi dilapidado nesses últimos anos, mas estamos colocando as coisas em ordem”, assegurou.

O governador enalteceu o perfil técnico de Josélio Azevedo, tido como referência no combate à corrupção e atuante, também, em ações contra o crime organizado. E disse que, em Goiás, sua contribuição será de grande valia. “Ter um delegado com esse preparo e credibilidade é uma honra. A Segurança Pública está à inteira disposição para que possamos avançar no combate a esses dois grandes males que têm inviabilizado nosso Estado”, salientou ao destacar que a congruência das polícias gera resultados satisfatórios.

Josélio Azevedo assume o cargo até então ocupado pelo delegado Ismael Coelho do Amaral. No discurso, o superintendente mostrou ao governador que já conhece a realidade em Goiás. Segundo ele, o fato de o Estado ser o 7º em dimensões territoriais e possuir fronteiras com seis unidades da federação contribuem com o crime. “As posições geográficas acentuam o caráter estratégico da Polícia Federal do Estado”, adiantou. Ele reforçou que o trabalho integrado dará mais eficiência às ações, especialmente “nas fases de planejamento, execução e monitoramento”. E completou que o “respeito ao cidadão goiano” será o principal norte de sua gestão.

Diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo participou da cerimônia de posse, ocorrida no auditório da Associação dos Magistrados do Estado de Goiás (Asmego). Para ele, a presença de representantes das esferas municipal, estadual e federal no evento representa o espírito de união que deve haver “no enfrentamento às organizações criminosas”. E citou uma característica de Josélio Azevedo, que “sempre priorizou o interesse público em detrimento aos interesses pessoais”.

Participaram do evento o secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda; a secretária da Economia, Cristiane Schmidt; o presidente do Tribunal de Justiça de Goiás, desembargador Walter Carlos Lemes; o procurador-geral de Justiça de Goiás, Aylton Flávio Vechi; o presidente do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), Joaquim de Castro; o deputado estadual Eduardo Prado; além de representantes municiais e chefias das forças de segurança estaduais e federais.

Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *